Paulo Schiller :: DITRA - Dicionário de tradutores literários no Brasil :: 
Dicionário de tradutores literários no Brasil


Paulo Schiller

Perfil | Excertos de traduções | Bibliografia

Tradutor e escritor, Paulo Schiller nasceu em São Paulo em 1952. Médico pediatra e psicanalista é professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Filho de imigrantes húngaros, seu nome se tornou expressivo, juntamente com Paulo Rónai (1907-1992), Ildikó Sütö, Ladislao Szabo (1958) Nelson Ascher (1958), como um dos principais difusores da literatura húngara. Paulo Schiller dedica parte de seu tempo à tradução de obras literárias em língua húngara, mas também traduz a partir do inglês e do francês.

Autor de A vertigem da imortalidade, escreve também resenhas literárias para O Estado de São Paulo e Folha de São Paulo. Em 2001 recebeu o prêmio APCA pela tradução de O legado de Eszter de Sándor Márai (Companhia das Letras).  Com a obra O companheiro de viagem (Ed. Cosac Naify), de Gyula Krúdy, foi finalista do prêmio Jabuti em 2002.

Traduziu diversos trabalhos de Sándor Márai (1900-1989), escritor e jornalista húngaro que, em 1960, inspirado em Os Sertões de Euclides da Cunha escreveu a obra Veredictos em Canudos, publicada originalmente no Canadá em 1970. Também traduziu obras de Imre Kertész (1929), Nobel de literatura em 2002. Mantendo alta produção, traduziu outros autores húngaros, como o jovem escritor György Dragomán (1973), que viveu sob o regime de Ceaucescu até os quinze anos, recentemente recebeu o prêmio Sándor Márai pela obra O Rei Branco (2009).

Grande conhecedor da literatura lusófona desenvolve seu trabalho literário com precisão flaubertiana ao dedicar singular atenção às escolhas lexicais, aos efeitos rítmicos e às equidades conceituais. Paulo Schiller oferece ao seu leitor recriações que preservam o estilo dos autores húngaros, manifestado também, de modo híbrido, em seus escritos pessoais.

Como especialista do húngaro, Paulo Schiller é requisitado para trabalhos cinematográficos e teatrais.  Atuou como consultor de Chico Buarque na obra que deu origem ao filme Budapeste de Walter Carvalho (2009), adaptação publicamente elogiada pela escritora americana Nicole Krauss (1974), cuja obra The History of Love também foi traduzida por Schiller em 2006 (A História do Amor, Companhia das Letras). No meio acadêmico, Paulo Schiller participa de conferências sobre sua atuação tanto como psicanalista, quanto como tradutor, tendo participado na elaboração deste verbete.

Verbete publicado em 1 de November de 2010 por:
Raquel da Silva Yee
Walter Carlos Costa
Ronaldo Lima

Bibliografia

Traduções Publicadas

DRAGOMAN, Gyorgy. O Rei Branco. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Intrínseca, 2009. Romance.

ESTERHAZY, Peter. Uma mulher. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Cosac & Naify, 2010 (no prelo). Romance.

FARAH, Nuruddin. Mapas. [Por: Paulo Schiller] Companhia das Letras, 2003. Romance.

KERTESZ, Imre. Liquidação. [Por: Paulo Schiller]. Companhia das Letras , 2005. Romance

KERTESZ, Imre. A língua exilada. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Companhia das Letras , 2004. Romance.

KERTESZ, Imre. Sem destino. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Planeta, 2004. Romance.

KRAUSS, Nicole. A História do amor. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Companhia das Letras, 2006. Romance.

KRÚDY, Gyula. O companheiro de viagem. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Cosac Naify, 2003. Romance.

MÁRAI, Sándor . Libertação. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Companhia das Letras, 2009. Romance.

MÁRAI, Sándor. De verdade. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Companhia das Letras, 2008.  Romance.

MÁRAI, Sándor. Confissões de um burguês. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Companhia das Letras, 2006. Romance

MÁRAI, Sándor . Rebeldes. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Companhia das Letras, 2004. Romance.

MÁRAI, Sándor . Veredicto em Canudos. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Companhia das Letras, 2002. Romance.

MÁRAI, Sándor. Legado de Eszter. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Companhia das Letras, 2001. Romance

MOLNÁR, Ferenc. O Poste de Vapor. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Cosac Naify , 2005. Romance.

ROSENFIELD, Israel. Megalomania de Freud. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Companhia das Letras, 2001. Psicologia.

RUBENFELD, Jed. A interpretação do assassinato. [Por: Paulo Schiller]. São Paulo: Ed. Companhia das Letras, 2007. Romance.

STEADMAN, Ralph. Sigmund Freud. [Po: Paulo Schiller & Daniel Schiller]. Rio de Janeiro: Ediouro, 2007. Psicologia.

SZERB, Antal. O viajante e o mundo da lua. [Por: Paulo Schiller]. Rio de Janeiro: Ed. Ediouro, 2007. Romance.

VIDAL, Clara. As duas mães de Mila. [Por: Paulo Schiller]. Edições SM, 2006. Tradução e posfácio. Romance.

Apresentação | Créditos | Contato | Admin

ISBN:   85-88464-07-1

Universidade Federal de Santa Catarina

Centro de Comunicação e Expressão

Apoio:

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

Última atualização desta página

©2005-2022 - NUPLITT - Núcleo de Pesquisas em Literatura e Tradução

Site melhor visualizado em janelas com mais de 600px de largura disponível.