Liliana Raquel Chwat :: DITRA - Dicionário de tradutores literários no Brasil :: 
Dicionário de tradutores literários no Brasil


Liliana Raquel Chwat

Perfil | Excertos de traduções | Bibliografia

Liliana Raquel Chwat nasceu na Argentina, em 04 de agosto de 1946, mas veio para o Brasil ainda pequena. Estudou Eletrônica em São Paulo e posteriormente fez especialização em Sistemas de Telecomunicações na fábrica da Nec do Brasil, em Guarulhos. Viajou pela Europa e ficou em Israel de 1972 a 1974. Seus avós maternos eram russos e paternos, poloneses.

Trabalhou um bom tempo em traduções técnicas, na Nec do Brasil, traduzindo e padronizando manuais: todo o trabalho de propostas, construção e implantação do sistema de telefonia na Bolívia, a partir de 1986, além da implantação e exportação da telefonia celular no Brasil e na América Latina.

Trabalhou na atualização e revisão do Michaelis (Editora Melhoramentos), traduziu para o português o primeiro volume, de um total de quatro, da obra argentina Atlas dos Animais (Rio de Janeiro: Visor do Brasil) e trabalhou na tradução, também do espanhol para o português, da Enciclopédia Novo Século (Vol. 1/12. Rio de Janeiro: Visor do Brasil, 2002. 2.302p.) – iniciou seu trabalho a partir do 5º volume.

Na editora Escala, iniciou como revisora do português e depois foi convidada, pelo coordenador Ciro Mioranza, a participar do projeto Grandes Pensadores (Francisco de Quevedo y Villegas, Fray Luis de León e outros). Toda a coleção, abrangendo escritores espanhóis selecionados do século XIV ao século XIX, foi traduzida por Liliana e publicada entre 2005 e 2007.

 Ressalte-se que Liliana Raquel Chwat é tradutora de português-espanhol e espanhol-protuguês há 24 anos; tem conhecimentos também do italiano e inglês. Atualmente trabalha para várias agências e não escolhe as obras que traduz. Tem feito muitas traduções/versões técnicas, jurídicas, médicas para empresas importantes; mas nesses casos seu nome como tradutora não aparece; a esse respeito ela afirma: “o tradutor é invisível”.

Verbete publicado em 5 de April de 2010 por:
Andréa Cesco

Bibliografia

Traduções Publicadas

León, Fray Luis de. A Perfeita Mulher Casada. [Por Liliana Raquel Chwat]. Coleção Grandes Obras do Pensamento Universal – 19. São Paulo: Escala, 2005. (La perfecta casada).

Vélez de Guevara, Luis. O Diabo Coxo. [Por Liliana Raquel Chwat]. Coleção Grandes Obras do Pensamento Universal – 41. São Paulo: Escala, 2005. (El diablo cojo).

Manuel, Don Juan. O Conde Lucanor. [Por Liliana Raquel Chwat]. Coleção Grandes Obras do Pensamento Universal – 55. São Paulo: Escala, 2006. (El conde Lucanor). Contos.

Quevedo y Villegas, Francisco de. A Hora de Todos. [Por Liliana Raquel Chwat]. Coleção Grandes Obras do Pensamento Universal – 51. São Paulo: Escala, 2006. (La hora de todos).

Quevedo y Villegas, Francisco de. O Bisbilhoteiro. [Por Liliana Raquel Chwat]. Coleção Grandes Obras do Pensamento Universal – 74. São Paulo: Escala, 2007. (El entremetido, la dueña y el soplón).

López de Medel, Tomás. Dos Três Elementos. [Por Liliana Raquel Chwat]. Coleção Grandes Obras do Pensamento Universal – 64. São Paulo: Escala, 2007. (De los tres elementos: tratado sobre la naturaleza y el hombre del nuevo mundo).

Apresentação | Créditos | Contato | Admin

ISBN:   85-88464-07-1

Universidade Federal de Santa Catarina

Centro de Comunicação e Expressão

Apoio:

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

Última atualização desta página

©2005-2022 - NUPLITT - Núcleo de Pesquisas em Literatura e Tradução

Site melhor visualizado em janelas com mais de 600px de largura disponível.